Cânions do Xingó: o grande tesouro de Sergipe

0
Gruta do Talhado

Os Cânions do Xingó nasceram do represamento do Rio São Francisco, o famoso Velho Chico, em meados dos anos 90, na divisa entre os estados de Alagoas e Sergipe. Atualmente é o 5º maior cânion navegável do mundo.

A ideia dos governantes, à época, era somente de levar energia elétrica para região através da construção da Usina Hidrelétrica do Xingó (que também merece uma visita). Mal sabiam que estavam criando um “monstro” do turismo nacional.

Aqui no Brasil a região teve ainda mais destaque e reconhecimento, após as gravações da novela Velho Chico, transmitida pela rede Globo. Mas os Cânions do Xingó são, há muito tempo, conhecidos mundialmente tendo grande apelo do turismo europeu. Não há como separar uma viagem a Sergipe desse passeio incrível!

Onde

O passeio para os Cânions do Xingó parte da pequena cidade de Canindé de São Francisco, no sertão Sergipano, localizada a 200 km de Aracaju, na fronteira com o estado vizinho de Alagoas – separados apenas pelo Rio São Francisco. Em lado da margem do velho chico se encontra Canindé e do outro lado fica Piranhas, município fronteiriço pertencente ao Alagoas.

O que você precisa saber

  • Local: embarque no restaurante Karrancas, em Canindé do São Francisco;
  • Valor: R$ 90,00 (passeio de catamarã. Não inclui o transfer de ida e volta até Canindé);
  • Horários: 11:30h (dependendo da demanda e da época poderão haver outras saídas);
  • Duração: 03 horas.

Como é o passeio dos Cânions do Xingó 

Todo nosso relato será baseado na nossa opção de conhecer a região de carro, por conta própria.

O passeio para os Cânions do Xingó é feito pela nossa parceira nesse projeto, a MFtur, num catamarã com capacidade pra 250 pessoas, que parte do deck do Restaurante Karrancas, localizado na cidade de Canindé do São Francisco.

Para chegar ao local sem erro, pode colocar o próprio nome do restaurante no GPS como destino.

Ao chegar à cidade de Canindé, dirija em direção ao paredão (represamento) da Usina hidrelétrica. Não desligue o GPS porque você provavelmente ficará sem sinal depois do centrinho da cidade. Mas se a rota já tiver traçada, você conseguirá seguir facilmente até o restaurante, mesmo sem sinal. Terão também algumas placas indicando a direção do restaurante. O estacionamento no local tem custo de R$ 5,00 e foi super tranquilo parar.

Nos períodos de alta temporada, reserve seu passeio com a MFtur com antecedência. Chegando lá, é só se dirigir até os guichês, logo na entrada, para retirar seus vouchers de acesso ao Catamarã.

Principalmente aos finais de semana o movimento é grande e fica bem cheio, mas não se preocupe: seu grupo será chamado para embarcar por nome (que chique!) com a finalidade de preservar a qualidade do serviço, evitando filas desnecessárias.

O passeio se divide em 03 momentos:
  • 1 hora de navegação em meio a toda natureza exuberante que margeia o Rio São Francisco até o Porto do Brogodó, onde fica localizada a infraestrutura da MFtur.
  • 1 hora de permanência no Porto do Brogodó, quando é possível curtir duas piscinas naturais – protegida por redes -, aproveitar o trampolim, se deliciando nas águas do velho chico cercados pelos belíssimos paredões dos Cânions do Xingó.

Tire muitas fotos, mas não deixe de aproveitar porque o tempo passa voando. A verdade é que o lugar é tão maravilhoso que só seria suficiente se fosse possível passar o dia inteiro por ali.

  • Depois da parada no Porto, mais 1 hora de navegação regada a muita música regional e animação até o retorno ao restaurante Karrancas, de onde partimos.

No retorno é possível aproveitar pra curtir mais a excelente infraestrutura do restaurante, até seu fechamento, por volta de 18h. Nós aproveitamos muito as prainhas fluviais e privativas do local. Muitas cadeiras e espreguiçadeiras

Fim de tarde no Restaurante Karrancas
Fim de tarde no Restaurante Karrancas

Se você for de passeio bate e volta provavelmente seu retorno será às 16h, já que a volta tem duração média de 4h de estrada. Aproveite pra almoçar assim que chegar do passeio e fique atento ao horário combinado com o seu grupo. Normalmente a equipe de seu transfer avisa no microfone do restaurante.

Paraíso do Talhado: ponto alto do passeio com fortes emoções

O ponto alto e mais imperdível do passeio: no Porto de Brogodó, é possível fazer um tour de canoa na parte mais estreita dos Cânions do Xingó. É conhecido como Paraíso do Talhado. E é, literalmente, um paraíso.

Você se sente minúsculo em meio à tanta grandiosidade da natureza. Esse é o verdadeiro ponto-chave de todo o passeio e definitivamente não pode ser deixado de lado. Custo adicional de R$ 10,00 por pessoa e vale cada centavo!

O bom mesmo é ser um dos primeiros a sair do catamarã, entrar em uma das primeiras canoas e fazer o passeio logo no início e aproveitar o restante do tempo se deliciando nas piscinas, se aventurando no trampolim ou pegando um solzinho no catamarã mais vazio. Em minutos, uma fila de espera se forma e você acaba não conseguindo aproveitar o restante da estrutura do lugar aguardando a sua vez pra conhecer o Talhado.

O Restaurante Karrancas

O restaurante serve como base de partida dos passeios para os Cânions do Xingó. Na verdade a estrutura do restaurante é tão legal que aproveitar o tempo nele faz parte do passeio.

Karrancas Restaurante
#followmeto Karrancas

A estrutura do restaurante é excelente, a comida muito boa e o ambiente super aconchegante. Tudo com uma vista de tirar o fôlego do Velho Chico. É lá que na volta do passeio todos repõem as energias perdidas durante a visita aos Cânions.

O restaurante agrada “Gregos e Troianos” oferecendo aos clientes duas opções de almoço. Para os que estão em fase de crescimento: buffet livre (rsrs). Para os mais contidos ou que tenham preferência por algum prato específico: cardápio a la carte.

Como a gente se encaixa no primeiro grupo, fomos de buffet (R$ 40,00). E o que falar sobre o buffet? Opções de salada, arroz, feijão, macarrão, legumes, batata, peixe, carne, frango, suflês, purês, caldos, enfim… Dá uma olhada na quantidade de recipientes nessa foto logo aqui embaixo que você vai ter ideia da variedade de pratos. São tantas opções que você certamente ficará perdido. Mas calma! Não precisa fazer um Monte Everest no seu prato. Ao optar pelo buffet livre, você ganhará uma pulseira e poderá comer quantas vezes quiser.

Restaurante Karrancas
Buffet do restaurante

O salão coberto é enorme e tem uma quantidade de mesas a perder de vista, mas é  bem possível que elas sejam facilmente ocupadas nos períodos de alta temporada. Os garçons percorrem todo salão oferecendo bebidas para acompanhar o almoço: garrafinhas de suco da fruta (R$5,00), refrigerante, água, cerveja e bons drink – caipirinhas, coquetéis alcoólicos e não alcoólicos.

Restaurante Karrancas
Parte do ambiente coberto

À beira do rio tem praia fluvial – protegida por redes -, chuveiros, muitas mesas com guarda sol e espreguiçadeiras. Nessa área é possível almoçar se a sua opção for o cardápio a La Carte.

Como chegar

Saindo de Aracaju são 200Km, que levam não menos que 3 horas – de carro e em ritmo bastante acelerado. Apesar de parecer que dá pra fazer em menos tempo, a estrada tem trechos que não estão bem conservados e tem muitos buracos. A viagem é lenta também muito por conta do grande fluxo de caminhões na pista de mão dupla. Portanto tome cuidado nas ultrapassagens.

Vindo de Maceió são 295 km percorridos em 4h40min, conforme dados do “pai Google”. Não sabemos das condições da estrada nesse trecho.

Isso possibilita saídas dos dois estados para um passeio que vai marcar sua vida para sempre, acredite!

Existem algumas opções de como chegar até a região do Xingó, dessa forma ninguém pode dar desculpa que não teve como ir, são elas:

  • Carro;
  • Passeio bate e volta;
  • Ônibus.
– Carro

Para nós essa é a melhor opção! Seja no seu próprio carro ou alugado, é a forma mais rápida, prática e menos cansativa (se você for pernoitar, é claro) para se chegar até Canindé do São Francisco. Fora isso, é uma grande vantagem nos deslocamentos lá na região pois não tem Uber e os táxis cobram caro.

Outro ponto fortíssimo de ir de carro é dormir na região e aproveitar pra conhecer mais coisas e tudo com calma. O passeio da Rota do Cangaço é uma das opções pra quem pernoita na região, contando toda a história sobre a emboscada que ceifou a vida de Lampião e Maria Bonita. (veja o relato completo aqui)

Leia também: Pedra do Sino, a melhor hospedagem na região do Xingó.

Alugamos o carro na Localiza do aeroporto e pagamos R$ 85,00 a diária. Principalmente se estiver em um grupo de 04 pessoas não pense duas vezes antes de fazer essa opção.

OBS.: O valor da locação foi esse porque não pagamos à locadora pelo seguro do carro. A cobertura do seguro foi feita pelo cartão de crédito Mastercard Platinum – que aliás é uma excelente #dica pra quem já tem o cartão. É importante deixar claro que nós não recomendamos alugar carro sem seguro. O barato pode sair muito caro.

Custo da gasolina pelo período (2 dias): R$ 160,00.

– Passeio Bate e Volta 

Só faça dessa forma se for a sua única chance de conhecer essa maravilha. Essa opção tem saída do hotel por volta das 6:30 da manhã e retorno previsto às 19:00. O passeio tem custo de R$ 180,00. Se desejar, consulte o site da Toptur para maiores informações.

O passeio bate e volta se torna muito desgastante pelo tempo de deslocamento. O trecho feito de van ou microônibus tem duração média de 4h a 4:30h. Isso quer dizer que em um dia você ficará mais ou menos 8h em deslocamento. Achamos bastante cansativo!

Consulte com a agência de viagens sobre a possibilidade de fazer pelo menos um pernoite na região, voltando no transfer do dia seguinte. Ou peça a cotação de um pacote dessa forma. Assim você conseguirá aproveitar mais, com a vantagem de ir em um transfer confortável e não ter que dirigir na estrada.

Ônibus

Existem saídas de ônibus da rodoviária de Aracaju com destino a Canindé de São Francisco. Os valores giram em torno de R$ 35,00 cada trecho.

Informações

MFtur Xingó

Telefone: (79) 99972-1320 / (82) 99986-2038 / (79) 99971-3975 (Whatsapp)

E-mail: reservas@mturxingo.com.br

Aproveite para seguir a MFtur no instagram: @canyonxingomftur

 

Restaurante Karrancas

Telefone: (79) 99869-6428 (whatsapp)

Siga o Karrancas no instagram: @karrancas_restaurante


POST APOIADO – Cortesia no passeio (catamarã e canoa até o Talhado) e no almoço. A MFtur e o restaurante Karrancas nos convidaram para conhecer seus serviços. O relato foi baseado em nossa própria experiência e livre opinião, não tendo qualquer influência editorial dos parceiros. O Dica de Turista tem compromisso com seus leitores de sempre manter a transparência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here